Histórico! Desfalcado por Covid-19 e com improvisação, River Plate bate Santa Fé na Libertadores

Com 20 jogadores ausentes por contaminação e volante Enzo Pérez no gol, equipe argentina despachou time colombiano e dormiu na liderança do Grupo D

Foto: EFE/Juan Ignacio Roncoroni


O River Plate superou todas as adversidades na noite da última quarta-feira (19). No estádio Monumental de Núñez, a equipe comandada por Marcelo Gallardo venceu o Santa Fé (COL) por 2 a 1. A partida foi válida pela 5ª rodada da Copa Libertadores da América.


Apesar do resultado positivo, os Milionarios enfrentaram não só o adversário colombiano, como também encarou os desfalques dos 20 atletas infectados pelo coronavírus. Além disso, o duelo teve um outro ingrediente especial: a improvisação do volante Enzo Pérez no gol.


Ainda assim, o River Plate encarou de igual para igual o Santa Fé (COL). Logo aos 2’, o lateral esquerdo Angileri aproveitou a sobra de bola do chute feito por Fontana e bateu rasteiro para o fundo das redes. Sem tempo para respirar, o time colombiano sofreu outro tento três minutos depois.


O atacante Álvarez recebeu um cruzamento na entrada da área, dominou com a perna direita e finalizou firme de canhota no alto. 2 a 0 River. Já o Santa Fé descontou somente aos 27 minutos com uma jogada tabelada que terminou no gol do volante Osorio.


Como resultado, os Milionários assumiram a 1ª colocação do Grupo D, com 9 pontos conquistados. O Fluminense aparece na 2ª posição, com um ponto a menos. Por outro lado, os Cardiais estacionaram na última colocação, com apenas dois pontos somados e sem chances de classificação às oitavas de final.


Agora, na 6ª e última rodada, River Plate x Fluminense decidem quem ficará com a liderança da chave. O confronto acontece na próxima terça-feira (25), às 19h15, no estádio Monumental de Núñez.

0 comentário